A Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, vem a público alertar a sociedade sobre a importância da campanha “Faça Bonito” de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes. O tema marca a data de 18 de maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual conta Crianças E Adolescentes

“A Secretaria de Assistência Social por meio da Proteção Social Especial de Média Complexidade equipamento CREAS (Serviço Especializado de Assistência Social) lança a Campanha Faça Bonito: Proteja Nossas Crianças e Adolescentes. O objetivo é mobilizar o poder público e toda sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes, buscando garantir que toda criança e adolescente tenha direito ao seu desenvolvimento de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração”, explicou o secretário de assistência social, Marcelo Teixeira.

A campanha tem o intuito de promover ações de sensibilização, formação de multiplicadores sobre o tema para que se promova o combate de qualquer tipo de violência com as crianças e adolescentes.

“A data do 18 de maio é o marco da campanha, que une instituições e pessoas em todo país, em atividades que sensibilizam para a importância da prevenção e combate à exploração sexual de crianças e adolescentes e, ao mesmo tempo, em prol da promoção do bem estar das pessoas nestas faixas etárias, de forma especial”, ressaltou a coordenadora da Proteção Social Especial de Média Complexidade, Mariana Portugal.

Os psicólogos e assistentes sociais do CREAS (Centro de Referência Especializado da Assistência Social) relatam que muitas vezes os abusos acontecem dentro de casa, por pessoas consideradas de confiança da família. O trabalho de prevenção do abuso sexual não é tarefa fácil, mas pode ser realizada através das seguintes conversas:

• Conversar com a criança sobre as partes íntimas do corpo.
• Explicar sobre os limites do corpo.
• Incentivar a criança e adolescente a conversar com os familiares.
• Saber com quem o seu filho (a) tem contato e o que está fazendo.
• Analisar as reações e comportamentos das crianças e adolescentes.
• Identificar os possíveis sinais de abuso.

Como denunciar:

As denúncias podem ser feitas pelo Disque Denúncia – Disque 100, um serviço de utilidade pública, que recebe e encaminha denúncias de violências, ou na sede do Conselho Tutelar, localizada na Rua José do Patrocínio, nº111 – São Lourenço, ou ainda apelos telefones da sede do Conselho tutelar (73) 3011-2736, e por meio dos telefones do Plantão Conselho I (73) 99913-3591, Plantão Conselho II (73) 99913-6804.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.